terça-feira, 19 de março de 2013

Só para dizer [XXXII]:

  
     Ainda resta alguma coisa, quando isolamos o pouco que já não fruímos do nada e é isso que resta: nada!


1 comentário:

  1. mas é no nada que muitas vezes acabamos por vir novamente a encontrar o tudo, e nesse ciclo indeterminável um dia chegaremos novamente ao nada, mas é assim que evoluímos como pessoas ou nos perdemos definitivamente
    beijinho

    ResponderEliminar