sexta-feira, 7 de setembro de 2012

A ilusão/erosão de um brasão


erosão



7 comentários:

  1. De certa forma, o tempo apaga ou esbate, as vaidades, os sinais; muitas marcas.
    Creio puder fazer algumas analogias, por exemplo, as nossas vidas também padecem de um tipo de ilusão/erosão. Mas poderemos ver tanta coisa, fazer tantas leituras, a partir desta fotografia.
    Não tenho a pretensão ou presunção de querer falar por ti, como é óbvio [sorrio].
    Um beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em pleno acordo.
      Claro que podes fazer analogias e não ficava o entendimento de que estarias a falar por mim.
      Beijinho e um sorriso

      Eliminar
    2. Obrigada! Constato, com agrado, que posso expressar as minhas leituras. Há por aí «uns» e «umas» que julgam saber tudo, sobre tudo, e com base no seu entendimento sentenciam a «talho de foice», não é essa a minha postura.
      Gosto deste teu espaço/local/blogue.

      Eliminar
  2. olhando para a foto e lendo o teu escrito, só me fica gravado na mente o meu lema de vida," na vida tudo passa, pode até levar algum tempo mas tudo acaba por passar, então é preciso a ilusão uma vez que a erosão e o brasão acabam por passar.

    a foto ficou muito bonita, as esculturas de areia são grandes obras de arte
    beijinhos

    ResponderEliminar