quinta-feira, 20 de setembro de 2012

E hoje… (XXXIX)


     …Não trago imagens concretas da traça que procurava a luz e nela se perdia em voltas sem fim. Deixo as minhas [imagens], empilhadas, ao lado das sapateiras da despensa. Não é desânimo, revés, ou frustração. É uma confirmação de pensamentos amotinados e de uma rebelião de energias que se alteram na essência durante a contenda pela superação, superioridade e prevalência. É o interior da felicidade virado para os que estão de fora.

     Pesa o modelo imberbe de organdi que veste a margem. A validade destes códigos só é garantida no interior do intelecto emissor.


8 comentários:

  1. Olá, 'Rique!
    Não sei o que dizer. O texto não me deixa indiferente, agrada-me, entranha-se, gosto, e, ao mesmo tempo, silencia-me.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  2. Pareces resignado a algo, que não descortino... Não te resignes. Novas imagens virão.

    Bjks

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E agora eu dizia: «Pois, esse é que é o problema...»
      Mas não, essa é que é a esperança e o bom da vida, novas imagens.
      Beijinho

      Eliminar
  3. Muitas vezes os pensamentos se amotinam nessa guerrilha sem fim de encontrar respostas, soluções, de entender as imagens empilhadas e na escolha de algumas delas, mas isso meu amigo é viver, só não podemos nos deixar afogar neles.
    beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, isso é viver! E com o tempo as imagens perdem a intensidade, para o bem e para o mal, ganham neutralidade, relatividade, e algumas vezes indiferença, enquanto surgem outras. No fundo: Nada de novo! [:)]
      Beijinho

      Eliminar
  4. Aparenta ser uma contenda serena, armazenável, ou que conterá desfecho(s) previsto(s). Espero que sim.
    Excluindo carácter pessoal, que possa existir (ou não): Gosto do texto! É melancólico mas, não é negativista ou pessimista.
    Bom fim de semana!
    Um beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É um debate forte, firme, indispensável e não urgente, que é quase só um texto cadente.
      Bom fim-de-semana!
      (Ainda ando alegre e orgulhosamente fora do acordo ortográfico... Mas terei de "aderir", de vez... Vou entrar na fase de textos tosta-mista/miscelânea - vou andar com um pé em cada lado.)
      Beijinho

      Eliminar