sexta-feira, 14 de março de 2014

urbe III




a hábil substituição do aroma do detergente 
despida ou não a brisa nocturna partiu afável 
adivinhei o esperado gentil desejo de bom dia 
entre o reflexo de um casal de felizes rezingões 
gosto de pensar que é genuíno e sentido 
na cidade também há esperança e generosidade 
eu retribuo de imediato aos dois e alegre 
com todos os sentidos e muito sinceramente 
as escadas e os patamares foram lavados com sorrisos 
correm nos jardins alegres e coerentes notas soltas 
ouço-as nitidamente entre os sons da manhã 
oriundas de pautas caídas das estatísticas 
que tranquilizam o deambular insistente 
dos raios de luz que rompem a neblina 
numa investida de múltiplas colorações 
que conquistam muitos dos cinzentos 
mesmo os das palavras hermafroditas 
e a consideração de um rio internacional 
pena é que tenham pisado a felicidade 
há uma ambulância que corre para a urgência 
que por agora ainda não é a minha 
que corre noutro sentido distraído da vida  




Sem comentários:

Enviar um comentário