sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Notas de início




Hoje, toco com a pontinha dos dedos, 
Quase que só com a energia, 
Sem medos, 
Para tocar mais fundo, em ti, em euritmia… 
Quando, no fundo, 
Eu sei que não posso tocar no mundo. 
  
Hoje, sou uma brisa; sou o que quero; 
Sou o que posso, amanhã não sei. 
E não me digas! Não quero saber! 



2 comentários:

  1. Olá, Rique!! :)
    Muito bom!
    Bom fim de semana!
    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Precioso post , la fotografía estupenda!
    Que tengas un hermoso fin de semana!
    Besos.

    http://sombriabelleza.blogspot.com/

    ResponderEliminar