quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Um olhar


Um olhar à hora do almoço


Estou sereno no meu canto,
Com uma folha em branco,
Lúcido e a procura de um encanto.

Como o outro, escuto as conversas.
Paira no ar o cheiro de várias comidas
Da zona de restauração, de lojas diversas.
E eu escuto quem tosse, o som dos talheres,
Os risos, as dissertações de homens e mulheres.

Perece que estou só e que só sou invisível.
Só as crianças me vêem e me olham com demora.
Quererão saber por que sou diferente neste nível
Onde ninguém olha ninguém e quem olha apavora.

Autenticidade. Porque falta a autenticidade?
Porque descrevem castelos onde só vejo choças?
Vão-me dizer que estou possuído pela excentricidade,
E que não é bem assim, que são apalaçadas palhoças.

Estou no meu canto, sereno.
A folha já não está em branco.
Continuo lúcido, sem encanto ameno.

Hoje é o primeiro dia do segundo mês,
Neste ano de dois mil e sete.
Fevereiro, penso uma e outra vez,
Enquanto um bebé chora e se repete.

Já não sou e já não estou tão invisível como estava.
Estou a incomodar a paz dos meus vizinhos,
Questionam, baixinho, o que tanto me demorava.
Admiram-se com as folhas, como se fossem pergaminhos.

Com a pressa do costume, tenho que abalar
(Saudades do Alentejo, da autenticidade exposta,
Onde passeio e vagueio sem me enfadar.
O seu povo é gente, de quem, facilmente, se gosta).

Saio sereno de um canto que não é meu,
Com uma folha rabiscada nas mãos vazias.
Estou lúcido e o encanto não apareceu.

01 de Fevereiro de 2007


5 comentários:

  1. Um "olhar" com, quase, quatro anos.

    ResponderEliminar
  2. Há olhares que o tempo não apaga.

    ResponderEliminar
  3. Gostei imenso desta memória revivida. Se me é permitido manifestar a respeito, as pessoas, paisagens e tempo do Alentejo tem um encanto especial sim... Eu sei que perto estou e por ele me perco de quando em vez. Têm a calma que falta noutros sítios, o silêncio e a extensão da terra a perder de vista sem viv'alma... E tanto que dá para encher uma folha em branco quando se tem paz... Um beijinho e bfsemana.

    ResponderEliminar